CPCA/UPE divulga no portal Processo de Ingresso a relação inicial dos candidatos matriculados por entrada do SSA 3 e do SISU

A Comissão Permanente de Concursos Acadêmicos da Universidade de Pernambuco (CPCA/UPE) divulgou nesta sexta-feira (29) a relação inicial dos candidatos matriculados por entrada da terceira fase do Sistema Seriado de Avaliação (SSA 3) e do Sistema de Seleção Unificada (SISU).

As listagens podem ser consultadas em https://processodeingresso.upe.pe.gov.br nas abas SISU (vermelha) e SSA 3 (azul). Atualize a página se não conseguir visualizar de início.

As relações trazem informações sobre o campus, o curso, a entrada e o turno de cada um dos 3.480 novos ingressantes na UPE através das notas obtidas pelos dois sistemas (1.740 vagas para o SSA 3 e 1.740 para o SISU).

Os candidatos matriculados em curso e entrada diferente da primeira opção devem continuar acompanhando os remanejamentos para possível alteração da classificação.

No dia 6 de maio haverá divulgação do 2º remanejamento do SSA e da 2ª chamada do SISU (a partir das 17h). A matrícula dos ingressantes nesta fase deverá ser realizada no período de 10 a 13 de maio.

O sistema será por agendamento nas unidades de ensino, no horário das 8h às 13h. Os telefones e e-mails das secretarias dos campi da UPE estão disponibilizados no edital de matrícula que pode ser consultado no portal do Processo de Ingresso.

Maiores informações pelos telefones (81) 3183-3660 e (81) 3183-3791 ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

 

CLASSIFICADOS POR ENTRADA UPE 2022 - SISU

CLASSIFICADOS POR ENTRADA UPE 2022 - SSA 3

Conselho Universitário da UPE aprova concessão de títulos de Doutor(a) Honoris Causa aos professores Elizabeth de Souza Amorim e Manuel Correia de Andrade

O Conselho Universitário (CONSUN) da Universidade de Pernambuco aprovou nesta sexta-feira (29) a concessão de dois novos títulos de Doutor(a) Honoris Causa da instituição, sendo um deles in memoriam.

Os primeiros agraciados em 2022 serão os professores Elizabeth de Souza Amorim e Manuel Correia de Oliveira Andrade (1922-2007).

As indicações foram, respectivamente, da Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças (FENSG) e do Campus Mata Norte da UPE. As resoluções receberam os números 018/2022 e 017/2022.

A outorga dos títulos integra as comemorações dos 30 anos de fundação da Universidade de Pernambuco. Neste período, a UPE já tem nos seus quadros 15 personalidades com esta máxima honraria.

O título de Doutor Honoris Causa é concedido a pessoas eminentes, que não necessariamente sejam portadoras de um diploma universitário, mas que tenham se destacado em determinada área do conhecimento (artes, ciências, filosofia, letras, promoção da paz, de causas humanitárias, entre outras), ou ainda por sua boa reputação, virtude, mérito ou ações de serviço que transcendam famílias, pessoas ou instituições.

ELIZABETH DE SOUZA AMORIM

Nascida em 1951 no Recife, a professora Elizabeth de Souza Amorim iniciou a sua história na FENSG em 1976, quando ingressou na graduação em Enfermagem, finalizando o curso em 1980. Neste mesmo ano passou a atuar como docente na instituição.

De acordo com o memorial apresentado pela direção da FENSG para justificar a concessão do título, "Elizabeth de Souza Amorim contribuiu ativamente na atualização dos enfermeiros que trabalhavam em hospitais com atendimento de urgência e emergência, desbravando, dentro e fora do estado, a formação em Atendimento Pré-Hospitalar para os profissionais da área da saúde".

A professora atua hoje nos cursos de Enfermagem, Medicina e Educação Física da UPE, na área de primeiros socorros e atendimento pré-hospitalar básico e avançado, além de ser coordenadora pedagógica do Programa de Residência em Enfermagem em Atendimento Pré-Hospitalar do Samu Metropolitano.

É também enfermeira do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), sendo atualmente vice-coordenadora da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT).

Tem importante participação na lutas de classe da categoria, participando do Conselho Regional de Enfermagem (COREN), entre 2009 e 2010, como membro da Câmara Técnica de Assistência à Saúde (CTAS) na área de Emergência e Trauma, e compondo atualmente a Diretoria de Assuntos Jurídicos da Seção Sindical dos Docentes da Universidade de Pernambuco (ADUPE).

MANUEL CORREIA DE ANDRADE

Nascido em 3 de agosto de 1922, no Engenho Jundiá, município de Vicência, localizado na Zona da Mata Norte pernambucana, Manuel Correia de Andrade foi um professor, pesquisador, geógrafo, advogado e historiador que deu relevantes contribuições para a educação do país.

No dossiê apresentado pelo Campus Mata Norte da UPE para justificar o título, "Manuel Correia de Andrade foi um dos precursores do movimento de pensar uma geografia crítica, trazendo nos seus livros uma influência do pensamento marxista que serviu não apenas para tratar as questões agrárias, mas para entender a produção do espaço e as contradições sociais".

Especialista em ecologia aplicada no estudo técnico do meio natural da América Latina e doutor em Geociências pela Universidade Federal de Pernambuco (1967). Foi professor da UFPE de 1952 até a sua aposentadoria em 1985.

Ele trabalhou em escolas da educação básica, no ensino médio e em várias instituições de ensino superior brasileiras e na Argentina.

Autor de "A Terra e o Homem do Nordeste" (1963), foi preso e exilado durante o golpe militar de 1964. No período do exílio, conseguiu uma bolsa de estudos do governo francês.

Na volta ao Brasil, trabalhou na Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) e na Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), vindo a falecer no Recife no dia 22 de junho de 2007.

 

Bacharelado em Administração do Campus Mata Sul da UPE promove imersão online sobre processos produtivos

O curso de Bacharelado em Administração do Campus Mata Sul da Universidade de Pernambuco promove, de 2 a 4 de maio, uma série de palestras gratuitas online sobre Lean & Six Sigma White Belt.

O coordenador do curso, professor Helder Diniz, recebe como convidados o CEO da Leanway Paulo Ghinato e o global master black belt da Alpagartas, Diego Duarte.

A proposta é uma imersão que tem como tema "modelo híbrido: a metodologia no mundo complexo".

Serão apresentadas as novidades para soluções de problemas das maiores empresas do mundo e dicas sobre como reduzir perdas e desperdícios em processos produtivos.

O evento é voltado para estudantes, professores e toda a comunidade externa. A transmissão online será no período das 20h às 22h.

Inscrições pelo link: https://contato.site/55bfa55a8e/imersao-white-belt/whitebelt

Representantes do IBGE apresentam detalhes do Censo em reunião do Conselho Universitário da UPE

O chefe da unidade estadual do instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Gliner Dias Alencar, e o coordenador de Reuniões de Planejamento e Acompanhamento do Censo (Repacs) no estado, Enildo Meira, participaram na manhã desta sexta-feira (29) da reunião do Conselho Universitário (CONSUN) da Universidade de Pernambuco.

Depois da abertura do encontro feita pela reitora Socorro Cavalcanti, os dois representantes do IBGE fizeram uma apresentação aos integrantes do CONSUN de como será feita a contagem populacional em Pernambuco.

Eles destacaram ainda a importância de conhecer como vivem atualmente os brasileiros e pediram divulgação e apoio em todos os campi da UPE no estado.

Um censo demográfico produz informações imprescindíveis para a definição de políticas públicas e a tomada de decisões de investimentos da iniciativa privada.

O período de coleta de dados vai ocorrer entre 1º de agosto e 31 de outubro. Em Pernambuco trabalharão 7.961 recenseadores e 1.032 agentes censitários.

Em todo o país serão visitados mais de 70 milhões de domicílios em 5.570 municípios.

Realizado a cada 10 anos, o censo deveria ter ocorrido em 2020, mas a pesquisa sofreu atraso por causa das restrições da pandemia e por cortes orçamentários no IBGE.

Assessoria de Relações Internacionais da UPE divulga resultado final da seleção do programa de bolsas “Santander Graduação 2022”

A Assessoria de Relações Internacionais da Universidade de Pernambuco divulgou o resultado final do edital de seleção do programa de bolsas “Santander Graduação 2022”.

Os cinco estudantes selecionados deverão enviar dados bancários do Santander (agência e conta corrente), em que o titular seja o próprio candidato, até o dia 2 de maio.

A lista com os cinco CPFs dos novos bolsistas Santander pode ser consultada em http://www.upe.br/editais-assessoria-de-relacoes-internacionais/category/235-2022.html, clicando na aba "resultado final".

No site também consta o resultado final dos recursos apresentados por outros candidatos.

As cinco bolsas oferecidas pelo banco Santander neste edital são exclusivas para os estudantes da UPE.

O benefício tem valor equivalente a R$ 300 mensais, com duração de 12 meses ininterruptos.

O estudante selecionado será contemplado ainda com um curso de inglês pela English Live por 30 dias.

Mais informações pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelo telefone (81) 3183-3654.